Esporte e Rock and Roll

Fim do dia mundial do Rock e eu de plantão, inviabilizada de fazer uma postagem sobre a data do estilo musical que me abriu muitas portas na vida, me ajudou a construir e solidificar amizades, daquelas que vou levar pra vida inteira.

Então, já que eu estava de plantão vendo jogos de tênis e futebol até sem querer, reuni os cinco melhores vídeos de atletas e torcedores estragando cantando e/ou dublando grandes músicas de rock and roll.

1º  é para os fãs de tênis. Nele, os brasileiros Flávio Saretta e André Ghem, o Alemão, cantam e tocam um sucesso do rock argentino, que lhes foi ensinado por Juan Pablo Brzezicki, o Polaco.

A música é “Arrancacorazones” da banda Ataque 77. Ouça a original.

 

 

 É o vídeo é de um torcedor maluco do Boston Celtics (time da NBA), que durante a execução de “Living on a Prayer” do Bon Jovi se empolgou com a dublagem. S E N S A C I O N A L.

 

As meninas do time de vôlei da universidade de Creighton, no Canadá, cantando “I Don’t Wanna Miss a Thing” do Aerosmith  (aquela do Amargedon). É muito, muito bom!

 

O clássico “You’ll Never Walk Alone”, que na verdade é uma música composta para um musical, Carousel, de 1945 e que ganhou versões do Elvis, Frank Sinatra, Doobie Brothers e outros.
Hoje é o hino das torcidas do Liverpool (time de futebol da Inglaterra); Glasgow Celtics (time de futebol da Escócia) e Borussia Dortmund (time de futebol da Alemanha), que são as mais famosas (e fodas!).

 

(Último e não menos importante) a versão de “Don’t Stop Believin'” do Journey em um clipe-cover do time inglês de Rugby (inglês mesmo e não britânico como diz a legenda do vídeo. Os países do Reino Unido não disputam torneios de Rugby como Gran Bretanha, são independentes como no futebol). É IMPAGÁVEL!

 

 

Enjoy e FELIZ DIA MUNDIAL DO ROCK!

Isso sim é "bate cabelo" dos bons.

Isso sim é “bate cabelo” dos bons.

Ariane Ferreira

Anúncios